RJ: sem funcionários, família enterra própria mãe em cemitério

     Direto do noticias.r7.com

“A gente que tá enterrando a nossa mãe [...] é a mulher que esperou a gente nove meses na barriga, que colocou a gente pra fora”, disse.

Em nota, a Prefeitura do município afirma que assim que tomou ciência do ocorrido exonerou o diretor do cemitério Vila Esperança, na unidade Magé II.

O posicionamento diz ainda que a família teve o processo funeral todo agilizado pela Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos mas que quando o corpo chegou ao local de enterro, todos os coveiros tinham sido liberados para o horário de almoço.

Em um pronunciamento em uma rede social, o prefeito da cidade Renato Cozzolino (PP), afirma que além do diretor, todos os funcionários ausentes no ocorrido também foram exonerados.

“O que ocorreu hoje é inadmissível. Não pode, nem irá se repetir. Eu quero aqui na condição de prefeito me desculpar e solidarizar com todos os familiares”.

0 Comentários