Ex-doméstica, maranhense é classificada na primeira fase do 'The Voice +'

   
      Por G1 MA

Yeda Maranhão é o nome da maranhense de 76 anos que participou da primeira audição às cegas do "The Voice +", novo reality show da TV Globo. A cantora escolheu a música "Nem Morta", interpretada originalmente por Alcione, onde três cadeiras viraram para a artista.

A maranhense revelou que teve uma infância difícil, que onde morava nem tinha luz elétrica: "Tive meus filhos e o pai deles me abandonou, então fui para o Rio de Janeiro trabalhar em casa de família e ajudar minha mãe que ficou com eles lá. Encontrei uma grande patroa, Dona Beatriz, que me ensinou tudo e que me levou em um lugar para me apresentar. Ali, foi me dando mais vontade de cantar."

Yeda, que estava usando um look confeccionado por ela própria, escolheu escolheu o Time Mumuzinho para disputar as próximas fases do reality show.

Quando trabalhava como doméstica, a artista lavava roupa cantando e foi aí que a patroa viu seu talento. Ela também já foi cabeleireira, manicure e costureira. Hoje, integra a ala de compositores do Salgueiro e já foi até indicada ao Grammy Latino.

Após sua apresentação, a maranhense ainda recebeu elogios da jurada Claudia Leitte. "Sua história é inspiradora, seu vestido é lindo", comentou.

0 Comentários