Mãe que engravidou naturalmente de trigêmeas recebe alta em Coroatá

Mãe de trigêmeas recebe alta do Hospital Macrorregional de Coroatá — Foto: Divulgação

O Hospital Macrorregional Alexandre Mamede Trovão, em Coroatá, está em festa pela vitória de Letícia Chaves dos Santos e as trigêmeas Maria Jhenifer, Maria Kelly e Maria Jeiza que tiveram alta no início da última semana. Depois dos cuidados de profissionais da unidade da rede estadual de saúde, Letícia e as três Marias puderam ir para casa.

Naturais de Codó, as meninas nasceram com apenas 32 semanas, duas delas pesando 1.700kg e a terceira com ainda menos peso, necessitando de cuidados intensivos. Quadro que tornou necessário a transferência delas através de uma Unidade de Suporte Avançado (USA) para a UTI Neonatal do Hospital Macrorregional de Coroatá Alexandre Mamede Trovão.

Após o nascimento, as crianças permaneceram na UTI Neonatal sob o acompanhamento da equipe médica, até terem alta na última segunda-feira (8).

Letícia Chaves, que já tem uma filha de 6 anos, Jadla Samille, conta que com o nascimento das trigêmeas, a felicidade só aumentou. “Uma dádiva de Deus, e se Deus me permitiu é porque sou capaz de criar minhas filhas. Saio ainda mais revigorada, pois o amor só triplica”, comemora a mãe.

Apenas uma em cada 9 mil gestações resulta em trigêmeos, mas a chance de um embrião se dividir em três cresce com tratamentos de fertilização, o que não foi o caso de Letícia, cuja fertilização foi realizada de forma natural.

               Informação do G1 MA — São Luís

0 Comentários