Juiz determina afastamento de José Rubem, vice acusado de mandar matar o prefeito de Davinópolis, no MA

José Rubem Firmo (em pé) ingressou na vida política no ano de 2012 e foi preso por suspeita de ser o mandante do assassinato de Ivanildo Paiva — Foto: Reprodução/TV Mirante
  
Fonte: Por G1 MA — São Luís

O juiz Joaquim da Silva Filho determinou o afastamento do vice-prefeito de Davinópolis, José Rubem Firmo (PCdoB), que é acusado de ser o mandante do assassinato do prefeito e companheiro de chapa Ivanildo Paiva, em novembro de 2018.

Segundo a polícia, o vice-prefeito teria cometido o crime para tomar o poder devido a promessas não cumpridas, como o pagamento de R$ 300 mil após a reeleição da chapa, além de Ivanildo não ter entregue a ele o controle político da Secretaria de Educação do município. Esses acordos teriam sido feitos a época da campanha, quando ambos buscavam a reeleição.

Após o crime, José Rubem foi preso, mas recebeu liberdade provisória no dia 04 de março e tentava assumir o cargo de prefeito de Davinópolis, na região sudoeste do Maranhão.

Dias após a liberdade do vice-prefeito, a Câmara de Vereadores de Davinópolis se reuniu em caráter de urgência e decidiu pelo afastamento de José Rubem da prefeitura.

0 Comentários