Preso mais um suspeito de envolvimento na morte do prefeito de Davinópolis

Preso mais um suspeito de envolvimento na morte de Ivanildo Paiva (PRB), que era prefeito de Davinópolis (MA), a 663km de São Luís. Carlos Ramiro Lima Ramos, conhecido como Léo, se apresentou à Polícia Civil voluntariamente e acompanhado de um advogado. O crime contra Ivanildo Paiva aconteceu no último dia 11 de novembro.

Segundo os policiais, Carlos Ramiro já acumula passagens pela polícia pelo crime de estelionato, sendo preso duas vezes nos municípios de Araguatins, no Estado do Tocantins, e Barra do Corda, no Maranhão.

Após prestar depoimento, ele foi encaminhado para a Unidade Prisional de Ressocialização de Imperatriz, a 626km da capital. A prisão de Carlos Ramiro Lima Ramos é temporária e vai durar o período de 30 dias, podendo ser prorrogada por mais um mês, de acordo com a polícia.

Além de Carlos Ramiro, mais outros cinco homens estão presos em Imperatriz suspeitos pelo crime. Entre eles, estão dois policiais militares, sendo um do Maranhão e outro do Pará. De acordo com a polícia, o próximo passo é identificar o mentor do crime.

0 Comentários