Funcionário é preso acusado de extorquir o patrão pela internet



A delegacia de Repressão aos Crimes de Informática prendeu, nesta quinta-feira (16), um homem suspeito de praticar crimes de Extorsão e Denunciação Caluniosa contra um empresário do Piauí. Com o apoio da Diretoria de Inteligência da Secretaria de Segurança, foram cumpridos mandados de prisão temporária e de busca e apreensão.

Segundo o delegado Daniell Pires, titular da delegacia especializada, o preso era funcionário de confiança da vítima e já trabalhava com o patrão há muitos anos. Ele foi detido dentro da empresa. “O empresário confiava tanto nele que sequer acreditou no resultado da investigação”, afirma o delegado.

O suspeito pediu um depósito no valor de R$ 20 mil para não fazer nada contra o empresário e a família deste. “A filha da vítima teve um filho recentemente. Então, ele usava isso para extorquir. Dizia que ela poderia não chegar ao trabalho, que algo de ruim poderia acontecer”, conta Daniell Pires.

O empresário foi orientado a não depositar a quantia exigida até que as investigações fossem concluídas. “A solução desse crime demonstra que criminosos virtuais não ficarão impunes”, garante o delegado.

Álibi

Para criar um álibi, o funcionário teria denunciado à polícia que estava sendo vítima de ameaças por parte do namorado da sua ex-mulher. “Quando ligava para o patrão, ele dizia que ia matar o funcionário também. Era uma forma de afastar as suspeitas da polícia”, revela o delegado.

Por conta disso, além do crime de extorsão, o homem também vai responder por Denunciação Caluniosa. “O preso fez a polícia investigar um crime contra ele, que não existia”.

A polícia não divulgou o nome do suspeito nem do empresário.

Fonte: O Dia via Portal Altos


0 Comentários