proprietário de carga de carvão vegetal é preso após entregar R$ 2 mil em tentativa de suborno

Carga de carvão vegetal apreendida


Dinheiro usado na tentativa de suborno aos PRFsPoliciais rodoviários federais em fiscalização na Unidade OPeracional (UOP) da PRF no km 14 da BR 135, na ilha de São Luís, por volta das 6h da manhã de sábado (15), prenderam três pessoas por prática de transporte irregular de carvão vegetal e corrupção ativa. Dois dos suspeitos - o motorista e o proprietário do veículo - estavam em uma carreta de cavalo trator vermelho, que transportava um carregamento de 850 (oitocentas e cinquenta) sacas de carvão vegetal irregular, sem nota fiscal ou autorização do órgão ambiental competente. A carga, segundo os acusados, era proveniente do município de Barra do Corda, distante 350 quilômetros da capital maranhense. 

Corrupção ativa

Os suspeitos, na iminência do prejuízo por conta da apreensão do veículo e da carga de carvão, chamaram os PRFs para um "acordo", oferecendo aos mesmos a quantia de R$ 2.000,00 (dois mil reais). Eles disseram que ligariam para o proprietário da carga e ele levaria até a UOP, em espécie, os dois mil reais.

Prisão 

Pouco tempo depois o proprietário da carga chegou em uma caminhonete e entregou aos agentes o valor em notas de cinquenta reais. Diante dos fatos os agentes deram voz de prisão aos três acusados e os conduziram à Polícia Federal no bairro Cohama em São Luís para as providências que o caso requer.

0 Comentários