Corpo de auditor fiscal da Riachuelo é encontrado enterrado no município de Taipu



Fim da Linha crédito

A Polícia Civil localizou, na noite desta quarta-feira 14 de setembro de 2016, o corpo do auditor fiscal Dinarte Bezerra, de 36 anos, que estava desaparecido de Mossoró, onde veio realizar uma auditoria nas lojas Riachuelo no dia 21 de agosto. 

De acordo com o delegado Luiz Fernando, responsável pela investigação do caso o corpo, foi encontrado enterrado no município de Taipu no litoral Potiguar a 50 quilômetros da Capital Natal. 

Ainda segundo informou o bacharel Luiz Fernando, o principal suspeito de envolvimento no desaparecimento do auditor, Dayvson André, de 23 anos, que está preso na Cadeia Pública de Mossoró, resolveu confessar informalmente o crime e apontar o local onde o corpo estava enterrado. 

Dayvson André resolveu apontar o local onde o
 corpo do auditor estava enterrado
Dayvson havia sido preso em Parnamirim com os cartões de crédito da vítima, depois que as investigações avançaram e chegaram a conclusão de que ele era o principal suspeito.

Dinarte Bezerra morava com a família em Natal, mas estava em Mossoró a trabalho quando desapareceu. O carro dele, um Fox preto foi encontrado quatro dias depois de seu sumiço, na cidade de Bento Fernandes, a 200 quilômetros de Mossoró. 

Logo mais ao meio dia o delegado Luiz Fernando, da DEFUR vai conceder entrevista coletiva à Imprensa mossoroense, para falar sobre a elucidação do crime investigado até então como latrocínio.

0 Comentários